Um blog de poemas que não querem ficar esquecidos

23
Fev 11

Por onde andas tu?

 

Já não te vejo entre a gente,

Entre as inúmeras ruas da cidade.

 

Andarás perdida,

Ou de mim desencontrada,

Ou andarás fugida

 e eu não dei por nada?

 

Já nem na brisa que passa

É sentida a tua presença,

Nem sequer nos acordes

Te sinto intensa,

 

Não estás entre os meus amigos sequer,

Não estás...

 

Quanto mais em mim...

 

Quando voltares não avises,

Que só assim saberei que és tu.

 

Mas volta depressa,

Que tanta falta me fazes.

 

 

by Ruben Teixeira

 

"Obrigado a tudo o que me inspira"

publicado por r-de-rir às 14:24

Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Felicidade

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO