Um blog de poemas que não querem ficar esquecidos

22
Fev 11

Quando o sonho cresce

O adulto desce

Para o fundo da vida,

 

Onde encontra miragens

De feitos e defeitos

De perfeitos destorcidos

Em conversas de olhos postos

Nos restos de real.

 

O ar vem limpo

E o tecto tinto de vinho

Com névoa de delírio

Ilusivo no momento decisivo.

 

Beija o anjo de cara feliz

Que traz o ninho de boas vindas

E acorda para ver triste

O sol que tapa a felicidade

Da saudade que persiste

Na almofada quente.

 

 

by Ruben Teixeira

 

"Obrigado a tudo o que me inspira"

publicado por r-de-rir às 12:46

Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Quando o Sonho Cresce

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO